15.8.08

RØCIPES

Pêssegos assados
em zabaglione de citrinos



4 pêssegos grandes e bastante maduros; 1 tangerina; 1 lima; 1 limão; manteiga sem sal; natas frescas; 4 gemas de ovo; açúcar fino; e açúcar amarelo. Derreto uma porção de manteiga e reservo. Corto os pêssegos ao meio e retiro-lhes o caroço. Pincelo cada uma das metades com a manteiga e polvilho-as com açúcar amarelo. Coloco as metades de pêssego (viradas para cima) num tabuleiro coberto com papel vegetal e levo ao forno previamente aquecido a 190º. Asso os pêssegos durante cerca de 20 minutos, até ficarem caramelizados. Retiro do forno e reservo. À parte, bato as natas até começarem a ficar espessas e guardo-as no frigorífico. Numa tigela resistente ao calor, junto as gemas com meia chávena de açúcar fino, uma colher de sopa de sumo de lima, outra de tangerina e outra de limão. Misturo bem. Coloco a tigela em banho-maria (água a borbulhar, nunca a ferver), e vou batendo levemente com um batedor de varas até a mistura começar a ficar pálida. Retiro o zabaglione do lume e continuo a bater durante cerca de 3 minutos, ou até estar arrefecido. Incorporo depois, delicadamente, as natas batidas. Reservo. Coloco uma porção de zabaglione em cada taça (ou prato fundo) de servir, por cima os pêssegos assados e por último raspa de lima, a polvilhar.