21.7.11

CHEF RÓ DE VOLTA AO MINHO

ESPECIAL CHEFE SILVA
O Amarense que ensinou Portugal a cozinhar...




















Brevemente...

19.7.11

CHEF RÓ DE VOLTA AO MINHO

AMANDO AMARES

Já está em fase de produção a segunda temporada do 'cooking show' (cada vez menos cooking e cada vez mais show) do projecto "Vou À Tua Mesa". Depois de "Chef Ró goes Alentejo", inicio a partir da próxima semana uma segunda temporada, que é na verdade uma aventura 
work-in-progress de re-descoberta autobiográfica, um filme que é um relato na primeira pessoa sobre a comida que comi no passado e a importância quântica que isso teve/terá no meu futuro. Um regresso literal à terra natal, o pagamento de uma promessa e o reencontro com uma sensualidade absoluta esboroada no tempo. O filme integral (peça única com cerca de 90 minutos) será estreado no contexto do Festival Encontrarte, a ter lugar em Amares de 28 a 31 de Julho (horários e locais a anunciar brevemente). Será posteriormente disponibilizado no canal Youtube do projeto com a adição de inúmeros side dishes não incluídos no filme. Tudo com o intuito de elevar a Arte à categoria de Gastronomia, pois o contrário já foi feito.


Chef Ró (alter-ego absoluto, sensual e tecno-emocional de Rogério Nuno Costa) está de volta a Amares e tenciona mostrar aos Amarenses o que Amares tem de melhor para oferecer em matéria de comida e outras realidades adjacentes mais ou menos culinárias. Sub-intitulada "Chef Ró de volta ao Minho", a empreitada consubstanciar-se-á num documento (auto)biográfico dividido em episódios, que abordará o tema da gastronomia tradicional através de um estudo ao mesmo tempo antropossociológico e geo-emocional: lugares inusitados, pessoas imprevistas e encontros surpreendentes. A temporada completa será apresentada em primeira mão durante os dias do Festival Encontrarte e disponibilizada posteriormente via YouTube. No último dia do Festival, Chef Ró junta-se ao projeto musical Behave! para uma sessão apocalíptica de foodjaying: música e comida, em espaço de festa e em tempo real. Para fechar em beleza e em regabofe dionisíaco regado a granizado de vinho verde com laranja de Amares.